A agricultura passou por diversas evoluções ao longo da sua história. Já utilizamos instrumentos rudimentares, depois adotados as máquinas que iniciaram um processo de mecanização e agora alcançamos um novo patamar: a agricultura digital. Você já ouviu falar?

A agricultura digital, que está associado à agricultura de precisão e agricultura 4.0, vem se tornando um termo recorrente no agronegócio, já que suas ferramentas influenciam na produtividade, desempenho e sustentabilidade da atividade agrícola.

Mas você sabe o que, de fato, significa esse termo e quais são as ferramentas e aplicativos que fazer a agricultura digital acontecer? Saiba isso e muito mais no nosso artigo de hoje. 

O que é a agricultura digital?

A definição de agricultura digital é bastante ampla. Mas de forma simplista podemos dizer que ela faz uso intensivo de variadas técnicas e tecnologias que visam melhorias na gestão agrícola, com aumento da produtividade e da sustentabilidade.

A agricultura digital propõe uma maior integração das ferramentas que já estão no mercado, e que agora são adotadas pelo agro, com a adição de novas técnicas. Assim, a disponibilidade de um maior volume de tecnologias digitais representa a base dessa nova forma de conduzir a agricultura.

agricultura_digital

Fonte: Bosch 

O principal objetivo da digitalização da agricultura é a otimização das atividades do campo. Para isso há o uso de tecnologias relacionadas ao aumento da conectividade, sensoriamento remoto, coleta de dados e tabulação de informações entre muitas outras ferramentas da tecnologia da informação.

Esse novo cenário do agronegócio representa a “revolução digital do agro”, que já mudou profundamente a agricultura.

Nova tendência da agricultura: ambiente mais digital e tecnológico

A agricultura mundial é um ramo produtivo que está em constante evolução, tanto que as fazendas e lavouras atualmente conhecidas já não se parecem mais com as fazendas de 50 anos atrás.

Antes o avanço dentro da produção agrícola era sinônimo de sementes melhoradas, defensivos agrícolas aprimorados e novas variedades à disposição de produtores.

Esses avanços serão contínuos, mas atualmente também vemos o uso de aplicativos, agricultura de precisão, drones, Big Data, internet das coisas e outros, todos associados à agricultura digital.

Já hoje você já pode fazer uso de softwares que mostram a previsão do tempo, se o operador está otimizando o uso de máquinas agrícolas, se um talhão apresenta melhor (ou pior) produtividade que outro, etc.

Assim, por meio de tecnologias, ferramentas e aplicativos da agricultura digital, você irá conseguir coletar dados, gerar informação e obter parâmetros de forma muito mais fácil, permitindo melhores respostas e elevando a eficiência da produção com uma acurácia muito maior.

Mas quais são esses aplicativos? É o que veremos a seguir.

7 aplicativos de agricultura digital que você deve conhecer

Um dos principais propósitos da agricultura digital é o uso de ferramentas que permitam a constante coleta de dados e informações que darão respaldo às tomadas de decisão.

Porém, para que essas informações possam ser apresentadas de forma muito mais rápida ao produtor é preciso adotar também bons aplicativos e que sejam acessíveis na tela de um computador ou na palma da mão em um smartphone.

agricutura_digital_embrapa

Fonte: EMBRAPA

Popularmente conhecidos como apps, os aplicativos de agricultura digital auxiliam você a fazer uma boa gestão de todas as etapas do seu negócio, da preparação do plantio à pós-colheita.

Assim, os 7 tipos de aplicativos de agricultura digital que você deve conhecer são:

1.      Apps de previsão do tempo

O conhecimento das variações climáticas é extremamente importante para o agricultor. Por isso, precisamos acompanhar as variações do tempo para definir o momento de iniciar qualquer tipo de manejo, como plantio, colheita ou aplicação de defensivos agrícolas.

Para ajudar, há variados aplicativos que, além da previsão do tempo, mostram ao usuário as notícias mais recentes sobre acontecimentos meteorológicos e agrometeorológicas de diversos municípios e estados brasileiros.

2.      Apps de informações agrícolas

Todos nós sabemos o quão importante é a identificação correta de pragas e doenças, além do conhecimento dos preços de insumos e commodities. Porém, ter os dados mais atualizados nem sempre é uma tarefa fácil.

Para auxiliar o produtor nesse sentido existem aplicativos que ajudam a diagnosticar pragas e doenças e que oferecem, em tempo real, informações mercadológicas essenciais.

3.      Apps logísticos

Há também vários apps que vão auxiliar o produtor a conquistar melhores negociações na compra de insumos e venda de produtos.

De forma rápida, esses aplicativos ajudam a organizar a logística dos negócios agropecuários, pois permitem calcular fretes, cargas e negociar o serviço.

4.      Apps associados às ferramentas agrícolas

Como citamos ao longo deste texto, a agricultura digital faz uso de variadas ferramentas, caso de drones/Vants, sensores, máquinas tecnológicas, irrigação inteligente e informações de satélites.

O interessante nesse sentido é que todo esse aparato tecnológico está, obrigatoriamente, associado à aplicativos, que são dispositivos onde todos os dados e informações serão observados pelo produtor. Assim, há apps que poderão ajudar você à:

  • Acompanhar a saúde e desenvolvimento da lavoura em cada estágio da planta;
  • Levar maior agilidade e confiança para decidir e planejar a aplicação de insumos;
  • Escolher as melhores janelas de plantio e colheita, de acordo com as informações das ferramentas de agricultura digital.

Assim, possivelmente você não terá acesso constante às ferramentas da agricultura digital, mas estará em constante contato com os aplicativos associados.

5.      Apps para a pecuária digital

Assim como ocorre com a agricultura, o manejo de rebanhos bovino de corte e de leite fica muito mais simples com a ajuda de aplicativos. Dessa forma, se você é pecuarista você pode adotar variados aplicativos que irão facilitar sua vida.

agricultura_digital-4.0

Foto: Gisele Rosso – Embrapa

Estes apps ajudam a manter registros organizados sobre o rebanho, planejando a nutrição, manejando as pastagens e controlando a saúde dos animais. Esses apps também facilitam a compra e venda de gado.

6.      Apps para conectar profissionais da área

Certamente você já encontrou um caso atípico em sua lavoura ou fazenda e buscou informações com conhecidos, não é? Então, já há apps que permitem e facilitam essa comunicação entre profissionais de agrárias.

Nestes apps é possível o compartilhamento de informações, experiências e oportunidades pessoais e profissionais, tudo de forma muito rápida.

7.      Apps de gestão e monitoramento agrícola

Por fim, há aqueles aplicativos que são verdadeiras plataformas agrícolas. Este é o caso do AgroInteli.

O AgroInteli é uma plataforma completa que mantém seus usuários informados a qualquer momento. Este app transforma seus dados de campo em instrumentos inteligentes para melhor planejamento e tomada de decisões.

Em uma única plataforma o app Agrointeli centraliza, integra e organiza várias fontes de dados em um sistema completo, que serve a todos os níveis de sua equipe de trabalho, produzindo inteligência e otimizando processos que economizam dinheiro e tempo.

 

 Por fim, vale salientar que todos os apps de agricultura digital estão em constante desenvolvimento. A Embrapa, por exemplo, é uma grande incentivadora de novos apps.

Ela tem a chamada Plataforma de APIs que oferece informações e modelos agropecuários gerados pela instituição que podem ser utilizados por empresas, instituições públicas e privadas e startups para a criação de softwares, sistemas web e aplicativos móveis para o setor agropecuário. Vale conhecer.

 

Conclusão

A agricultura digital representa a atual era da produção agrícola. Por meio de diversas ferramentas ela ajuda o produtor a obter informações preciosas para elevar a produtividade e trazer mais lucro ao negócio rural.

Porém, para que essas ferramentas tragam os benefícios desejados, elas precisam estar associadas à bons aplicativos. Estes permitem que o produtor tenha todas as informações na palma da mão, permitindo melhor gestão do negócio e tomada de decisões mais corretas.

Estes apps, associados ou não às ferramentas digitais, lhe darão apoio logístico, de gestão e agronômico, sempre com o objetivo de oferecer a melhor informação a você, produtor agrícola brasileiro.

 E ai? Quais são os apps que facilitam a vida do produtor rural que você conhece? Conte pra gente. 

 

Renato Borges

Filho e neto de produtor rural e sempre com a cabeça em tecnologia. Engenheiro de formação, criou a Agrointeli com intuito de democratizar a tecnologia no campo para pequeno e médio produtor rural.
0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Resumo Técnico fornecido por Investing.com Brasil.

Siga nos